EM EXIBIÇÃO


 

11 dez 2022 - 19 fev 2023
MUSE, Homenagem a Teixeira de Pascoaes

 

15 out 2022 - 28 mai 2023
Feminino, uma história ficcionada

 

15 out 2022 - 12 fev 2023
a super-menina: espassos, letras e livros

   

Foram 30 as obras selecionadas e 21 os artistas participantes na open call “Cria uma obra de arte inspirada num dos poemas de Teixeira de Pascoaes”. Uma iniciativa do Município de Amarante, em parceria com a Galeria MUSO, criada para prestar homenagem a Teixeira de Pascoaes.

  A exposição tem por base as palavras de Agustina Bessa-Luís no livro “Dicionário Imperfeito” onde se lê: “A mulher é uma criadora por natureza. A mulher é.”. “Feminino, uma história ficcionada” compila alguns modelos de representação da mulher, e respetiva expressão criativa, presentes na coleção do MMASC. Obras dos amarantinos Amadeo de Souza-Cardoso, António Carneiro, Acácio Lino, Teixeira de Pascoaes, Manuel Monterroso e Eduardo Teixeira Pinto, mas também outras que se relacionam diretamente com as palavras de Agustina como, por exemplo, Júlio Pomar, Sara Afonso, Barata Feyo, Lagoa Henriques, Clara Menéres, Paula Rego e Vieira da Silva. Sobre Paula Rego e Vieira da Silva, Agustina Bessa-Luís escreveu os livros “As Meninas” e “Longos dias têm cem anos”, respetivamente. Em “Feminino, uma história ficcionada” estará ainda exposto, pela primeira vez, um desenho de Maria Antónia Siza Vieira.   Criação de Os Espacialistas, com palavras de Gonçalo M. Tavares, a exposição “a super-menina: espassos, letras e livros”, é dedicada à super-menina que foi a Agustina Bessa-Luís. Nesta mostra, Os Espacialistas – projeto laboratorial de investigação teórica e prática das ligações entre Arte, Arquitectura e Educação – transformam o claustro do Convento de São Gonçalo no corpo de uma criança e no seu espaço de recreio. Cada uma das alas é uma página de caderneta escrita por uma narrativa fotográfica espacialista e um conjunto de 100 palavras espacializadas de Gonçalo M. Tavares. Um espaço superpovoado de imagens e objetos à semelhança dos manuscritos da escritora.
POEMAS   FOLHA DE SALA | Feminismo, uma história ficcionada   FOLHA DE SALA | a super menina: espassos, letras e livros

Até 31 de jan 2023
António Cardoso, Diretor... "desde que nasci..."

 

Amadeo de Souza-Cardoso
A Viagem como ato de criação

 

Acácio Lino
Mestre da Pintura Histórica e Naturalista

   

Composta por obras do Professor António Cardoso doadas ao MMASC, esta mostra – que é também uma homenagem – apresenta pintura, desenho e documentos, oficiais e pessoais, que ajudarão na compreensão da mesma.

  “As viagens, então são o grande livro do artista. São-lhe tão necessárias como a Bíblia e o latim a um padre. O alimento moral está no livro do mundo (...)”.
É com esta ideia de Amadeo como mote que lhe lançamos o desafio de fazer esta viagem expositiva.
  Impôs-se na pintura portuguesa como paisagista, afirmando-se também como intérprete de cenas rurais e excelente animalista mas acima de tudo notabilizou-se como um Pintor da História.
         

Eduardo Teixeira Pinto
Fotografia

       
       
Eduardo é o autor de livros contados através das suas fotografias onde os personagens são o granito, a água, a flora, os bichos e o Homem que interagem, dialogam e seguem argumentos "escritos" por si a todas as horas do dia com especial predileção para a noite cerrada e para a madrugada intrincada. Nelas aparece o seu personagem principal: o nevoeiro.        

 

por thesign

VISITAS / CONTACTOS

Alameda Teixeira de Pascoaes
4600-011 Amarante - Portugal
+351 255 420 282 (Atendimento/Receção)
+351 255 420 272 / 238
mmasc@cm-amarante.pt

        

| Política de Privacidade

| Termos e Condições

| Condições Gerais de Venda on-line